Normas e Portarias

Nessa seção queremos compartilhar algumas das nossas experiencias com as normas e portarias, alem de tirar as dúvidas referentes a esses assuntos, de clientes e futuros clientes.

Na área de eletrodomésticos, temos conhecimento maior nas portarias do Inmetro para bebedouros, geladeiras e freezers e afins, como por exemplo portaria 371, portaria 18, portaria 20, portaria 113, portaria 170, portaria 185, portaria 211, portaria 215, etc. A norma NBR IEC 60335-1 também é de conhecimento.

Na área de equipamentos eletromédicos, conhecemos a norma NBR IEC 60601-1.

Esta seção está em construção, fique a vontade para tirar dúvidas através dos campos abaixo.

Documentos:
Lista de aparelhos contemplados com a portaria 371

Etapas do processo de avaliação de conformidade – portaria 371

Site:
SegurancaEletrica.Org – Reúne diversas informações e orientações para os testes de rotina

Perguntas e respostas sobre a portaria 371

O que é a portaria Inmetro 371 / 2009?
É um documento onde estão descritos requisitos mínimos de segurança que aparelhos eletrodomésticos e similares vendidos no Brasil devem atender. Os aparelhos descritos pela portaria devem ser certificados e devem ser feitos os ensaios de rotina em 100% dos aparelhos que serão comercializados.

O que são ensaios de rotina?
São testes que devem ser executados em 100% dos aparelhos que serão comercializados, que visam verificar a segurança elétrica do aparelho e sua funcionalidade.

Quais são os ensaios de rotina?
Para a portaria 371 são exigidos 3 ensaios:
– Ensaio de tensão suportável: É testado toda a parte de isolação elétrica das partes acessíveis (gabinete metálico) com as partes com condutores vivos (fase e neutro).
– Ensaio de continuidade de aterramento: É testado a ligação do gabinete com o fio ou pino de aterramento.
– Ensaio funcional: É testada a funcionalidade do equipamento. Para esse teste não temos um equipamento de teste.
Para os dois primeiros ensaios, fabricamos os equipamentos que executam os ensaios.

Como funciona os ensaios?
– Ensaio de tensão suportável:  É feito utilizando um equipamento hipot ou rigidez dielétrica (linha HP). O equipamento aplica uma alta tensão entre as partes vivas (condutores de fase e neutro) contra a parte metálica acessível (gabinete). Com isso é testada a isolação entre as duas partes.
– Ensaio de continuidade de aterramento: É feito utilizando um equipamento de resistência de aterramento (linha GBT). O equipamento aplica uma corrente a partir de 10 amperes entre o pino ou condutor de aterramento e as partes aterradas acessíveis ao utilizador do equipamento. Com isso é verificado se o aterramento do equipamento sob teste se encontra bem feito.
– Ensaio de funcionalidade: É o teste de funcionamento do equipamento sob teste. Cada equipamento terá um teste especifico. Por exemplo: uma geladeira terá que refrigerar o ar, uma sanduicheira terá que aquecer, um ventilador terá que girar, assim por diante.

É obrigatório a realização de todos os ensaios?
Sim, a não ser que o equipamento não possua o pino de aterramento no plugue de alimentação ou condutor de aterramento. Se esse for o caso, não é necessário o teste de continuidade de aterramento. Contudo o teste de tensão suportável passa a ser mais critico, com uma tensão maior.

Qual é a necessidade de registrar os resultados dos ensaios de rotina?
É necessário o registro dos ensaios. Caso o equipamento ensaiado venha a provocar um choque elétrico ou mesmo para comprovação em auditorias, os resultados devem ser registrados. Nossos equipamentos automáticos registram na memória os resultados, podendo ser transferidos posteriormente para um computador ou impressora, facilitando o processo de registro.

 Os equipamento de ensaio devem ser calibrados? Com qual frequência devem ser recalibrados?
A grande parte dos auditores tem solicitado os certificados de calibração emitido por laboratórios da rede RBC (Rede Brasileira de Calibração). Com isso pode-se garantir que as grandezas aplicadas e medidas estão dentro de limites aceitáveis. Normalmente indicamos que os equipamentos devem ser recalibrados a anualmente, porem isso deve ser uma determinação da sua empresa. É altamente recomendado que a empresa possua uma norma ou procedimento de calibração onde seja mencionado a periodicidade das calibrações.

Qual é a função dos padrões de teste para os equipamentos de ensaio de rotina?
Os padrões servem para verificar o correto funcionamento das medidas dos nossos equipamentos de ensaio. Nossos padrões possuem algumas medidas chaves que devem ser verificadas com os equipamentos de ensaio. Medindo uma certa posição o resultado deve ser aprovado e na outra reprovado. Caso não venha a dar esses resultados esperados, o equipamento de ensaio possui alguma avaria.

 

2 Responses to Normas e Portarias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>